Publicado em: sexta-feira, 07/06/2013

Menino esquecido em carro morre na Itália

Menino esquecido em carro morre na ItáliaO menino de dois anos, Luca ficou preso no veículo do próprio pai durante um período em torno de oito horas seguidas, este carro chegou à temperatura de 60 ºC e a criança por ter vindo a óbito por asfixia.

O menino falecido foi deixado dentro do carro por seu pai, que esqueceu de deixar o filho na creche antes de se dirigir ao seu trabalho.

De acordo com informações fornecidas pelo jornal Daily Mail, o pai da criança, Andrea Albanese, tem 39 anos e vive na cidade italiana, Piacenza.

Como todos os dias ele foi de casa ao trabalho, só que ele se distraiu e não percebeu que quando chegou ao trabalho, seu filho ainda estava dentro de seu carro.

Depois de ficar preso das oito horas da manhã até às cinco horas da tarde, ou seja, mais de oito horas, o carro teve seu alarme disparado, foi quando encontraram a criança.

Luca foi encontrado no carro com alta temperatura interior, este estava parado no estacionamento do trabalho de Albanese, um restaurante onde ele é chef. O menino estava desmaiado.

O avo do menino foi buscar a criança na creche e soube que ninguém havia levado Luca até a escola naquele dia. As testemunhas presentes quando o pai encontrou o filho no carro afirmam que Albanese gritava horrorizado ao perceber o menino estava preso no carro há tantas horas. O menino estava desmaiado e já com a saúde muito atingida.

Os amigos de trabalho do pai compraram algumas garrafas de água para que ele pudesse dar ao filho enquanto a equipe de resgate se dirigia ao local do acidente.

O pai e a esposa tiveram que ser hospitalizados, pois entraram em choque. O pai de Luca vai responder a acusação pelo crime de homicídio culposo.