Publicado em: sábado, 14/04/2012

Menino cria jogo de videogame para avó cega

Dylan Viale, de 10 anos, ainda está na quinta série de uma escola na cidade de Martinez, nos Estados Unidos, mas já criou algo que muitos só fazem quando já são adultos. O garoto criou um jogo de videogame para sua avó cega também possa participar de suas brincadeiras. Utilizando uma versão não paga de um programa para criar jogos eletrônicos, o GameMaker, o menino fez o design das fazer e os protótipos.

De acordo com o site “Kotaku”, o menino tinha como finalidade fazer com que sua avó Sherry, que é cega há muitos anos, pudesse brincar com ele com o que o garoto mais gosta de fazer: jogar videogame. Entre os games favoritos de Dylan estão “Plants vs. Zombies” e “Need for Speed”, mas estes sua avó não poderia jogar com ele.

Criando o jogo

De acordo com seu pai, Dino Viale, em entrevista ao site, o menino baixou o programa e criou o jogo, descobrindo que ele poderia desenvolver um mundo para que todos pudessem se divertir. Dylan criou o game “Quacky’s Quest”, jogo em que um pato precisa andar por um labirinto pegando diamantes e desviando dos monstros que aparecem no caminho.

Para que o jogador que possui deficiência visual possa brincar, Dylan criou sons para cada um dos movimentos realizados dentro do labirinto. O jogo foi testado durante um mês e, após este período, Dylan colocou o game na feira de ciências de seu colégio. O menino recebeu o primeiro lugar da feira e, de acordo com seu pai, ele distribuiu cópias do game para os amigos.