Publicado em: quarta-feira, 06/06/2012

Medidas do governo já apresentam resultado na venda de automóveis

De acordo com informações de Flávio Meneghetti, presidente da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), as medidas impostas pelo governo para melhorar a venda de veículos no país com a desoneração de IPI tiveram efeito positivo e á é possível observar os efeitos desse processo. Conforme dados da entidade, as vendas de carros em maio tiveram aumento de quase 12%. Ao todo, foram comercializados um total de 455.122 unidades. Em abril esse número não passava de 406.479 registradas em abril. No entanto o número ainda está abaixo das 507.209 unidades vendidas em maio do ano passado. Se comparado com esse período de 2011, a queda ainda é de 10,27%. Meneghetti mesmo disse que se comparado a abril o número é vantajoso, no entanto ainda está aquém de 2011. No entanto ele ressaltou que com as medidas do governo somadas com o crescimento da indústria e do comércio há possibilidade de melhora significativa para os próximos dias, principalmente no mês de julho.

Bancos e consumidores auxiliam a melhora do setor, diz Meneghetti

Meneghetti disse há ainda dois outros fatores que contribuem para melhorar o setor automobilístico: o aumento de compradores em função do crédito e a redução de juros feita pelos bancos. O setor, segundo ele está otimista e espera que os bancos continuem com boas aprovações de crédito. Segundo ele, a queda em relação a maior de 2011 tem cenário mundial também está com muitos problemas e tudo isso veio contribuindo de forma negativa para o setor. Somente este ano a queda em relação a 2011 foi de 4,26%. No ano passado foram vendidas, neste mesmo período, 2.169.733 unidades.