Publicado em: sábado, 21/07/2012

Marcelo Faria agride segurança de boate

O segurança Fabrício Lopes de Lima está sendo defendido pelo advogado Edmilson Sobral. Ele é um dos funcionários da casa noturna Miranda. Nesta sexta-feira, dia 20, ele divulgou que pretende entrar com processo contra o ator Marcelo Faria, alegando que foi agredido por ele. Fabrício vai pedir reparação por danos morais e estéticos.

Tudo isso porque Marcelo agrediu o segurança com uma garrafa de vidro na noite de quarta-feira, dia 18. O segurança era o responsável por cuidar da área VIP da casa noturna quando a confusão acabou acontecendo.

Segundo o advogado, tudo começou quando Marcelo quis entrar na área restrita, mas foi impedido pelo segurança, que o orientou a falar com outra pessoa, mas ainda sim, o ator não conseguiu entrar no espaço.

Marcelo Faria ficou constrangido ao ser barrado na boate e começou a gritar com o segurança. Para completar, de acordo com os dados divulgados por Sobral, Marcelo ainda atingiu Fabrício com uma garrafa de vidro na cabeça, o que o deixou com um profundo corte do supercílio.

Em seguida o segurança foi encaminhado para o hospital onde foi tratado do ferimento. Ele também foi ao IML – Instituto Médico Legal – para fazer exame de corpo de delito, após prestar queixa contra o ator na 14ª Delegacia de Polícia do Leblon.

A casa noturna explicou que vende ingressos somente para a pista de dança e ingressos mistos, que dão acesso as mesas. Entretanto segundo a assessoria de imprensa, o ingresso de Marcelo permitia que ele tivesse acesso somente à pista e por isso ele foi impedido de entrar na área VIP, o que desencadeou toda a confusão. Mirando disse que o funcionário da casa apenas cumpriu o seu dever.

Fabrício é contratado da empresa de segurança privada Rio Maior e presta serviços, de forma terceirizada para a casa noturna. Já a assessoria de imprensa de Marcelo Faria divulgou nota onde explica que ele já entrou em contato com seus advogados para tomar as medidas necessárias na justiça.