Publicado em: quarta-feira, 28/03/2012

Mano é pego em blitz e recusa bafômetro

O técnico da seleção brasileira, Mano Menezes, teria sido pego em uma blitz de trânsito no Rio de Janeiro, e se recusado a fazer o teste do bafômetro. O fato teria ocorrido na madrugada de quarta-feira (28), no bairro da Gávea, zona sul da capital fluminense.

A informação foi repassada pelo coordenador-geral da operação, o Major Marco Andrade. De acordo com o policial, Mano foi abordado durante uma blitz da Lei Seca, e ao se recusar a fazer o teste do bafômetro, foi multado e teve a carteira de habilitação apreendida.

O treinador da seleção brasileira teria recebido uma multa de R$ 957,70, além de ter recebido sete pontos na carteira de habilitação, já que sua infração cometida é considerada gravíssima. Ainda de acordo com a polícia, a esposa de Mano estaria junto no momento, e chamou um condutor para levá-los embora.

A assessoria de imprensa da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) afirmou que o episódio é particular, e cabe somente ao técnico se pronunciar sobre o caso. Até o momento, Mano Menezes não teceu nenhum comentário sobre o acontecimento.