Publicado em: quinta-feira, 15/05/2014

Mais uma cidade do interior de São Paulo registra morte por dengue hemorrágica

A cidade de Bebedouro divulgou por meio de comunicado feito pela Prefeitura da cidade, que uma senhora de 81 anos de idade morreu em decorrência de dengue hemorrágica, Maria Teresa de Gusmão faleceu no último domingo, a vítima estava internada em um hospital da região.

No entanto, a morte da Freira Teresa ainda não havia sido tratada como morte causada por dengue, a confirmação só veio logo após os exames de sangue da senhora saírem e apontar que a vítima tinha sido infectada pela forma mais grave da doença.

Além de Maria Teresa a cidade de Bebedouro tem um outro registro de caso grave de dengue, desta vez a vítima seria uma menina de apenas 10 anos de idade, a menina, assim como Maria Teresa, também foi diagnosticada com o tipo hemorrágico da dengue e está internada em um hospital na cidade de Ribeirão Preto.

Com esses dois casos registrados na cidade, Bebedouro já anunciou que está fazendo de tudo para que a população se conscientize sobre a importância de combate à dengue, com isso criou um grupo de combate à dengue, fazem parte desse grupo técnicos da Vigilância de epidemias da cidade, além de representantes da área de saúde para que sejam sanadas todas as dúvidas da população em geral, de acordo com informações, apesar de registro de dois casos graves de dengue, Bebedouro não está vivendo uma epidemia da doença.

A cidade do interior do Estado de São Paulo registrou queda nos casos de infectados por dengue em relação ao ano passado, neste ano o registro de casos até o momento são de 116 pessoas infectadas com dengue, outros 150 casos aguardam pelos resultados de exame de sangue para que seja confirmada a presença de dengue no organismo, somados esses dois números dá um total de 266 casos, um número muito menor dos casos registrados no ano passado, quando os casos de dengue confirmados eram de 470 pessoas.