Publicado em: domingo, 09/03/2014

Mais reconhecido pelas polêmicas do que pela música nos últimos tempos, Lobão arranja enrosco com a Band

Mais reconhecido pelas polêmicas do que pela música nos últimos tempos, Lobão arranja enrosco com a BandCotado para ser o substituto de Rafinha Bastos no programa A Liga, Lobão azedou a relação com a Band recentemente, com direito a ameaças. Isso porque o artista não gostou nada de um novo quadro do CQC, que volta de férias daqui duas semanas, no próximo dia 17.

O músico foi abordado de surpresa por Ronald Rios, além de um grupo de 30 “torcedores” que o provocaram. Lobão ficou irritado com o que as pessoas disseram, ofendeu o repórter e até tentou tomar dele o microfone. Além disso, o cantor e compositor agora ameaça processar a emissora caso material seja exibido.

A encrenca aconteceu quando Lobão deixava os estúdios da Band, após gravar uma participação no programa Agora É Tarde, que foi ao ar na última quinta-feira (6). O quadro do CQC em questão é o “Torcida VIP”, onde um grupo de pessoas entoa cantos de torcidas organizadas adaptados a fatos que envolvem celebridades e políticos. Para Lobão, os “torcedores” dispararam a provocação: “Pó, pó, pó, pó, pó, pó, pó, pó / Simpatizava com Lula-la / Agora caga pra geral / Tem a língua afiada/ Mas afinou pro Mano Brown”.

Não foi citação à alteração nas ideologias políticas que tiraram a paz de Lobão, mas a referência ao rapper Mano Brown, com quem tem uma rixa bastante acirrada. O roqueiro disparou um palavrão contra os participantes e avançou para cima do repórter, tentando arrancar o microfone de suas mãos.

Problemas com Mano Brown

A intriga com o líder dos Racionais MC’s começou em maio do ano passado, quando Lobão concedeu entrevista à Folha de S. Paulo, durante o lançamento de seu livro “Manifesto do Nada na Terra do Nunca”. Na ocasião, ele afirmou que o grupo de Mano Brown era um “braço armado” do governo, que atendia a ideologias petistas, propagando os anseios intelectuais do partido.

Em resposta, Mano Brown chamou Lobão para a briga pelo Twitter. O rapper propôs um vis-à-vis para resolver a questão “como homem”, além de afirmar que o roqueiro fazia qualquer coisa para poder vender livro.