Publicado em: terça-feira, 26/06/2012

Mais ônibus são incendiados em SP

Durante a noite da última segunda-feira (25) e a madrugada desta terça-feira (26), dois ônibus foram incendiados em Sapopemba e Sacomã, respectivamente na zona leste e na zona sul da capital paulista. Os casos ocorreram depois que as polícias do Estado de São Paulo entraram em estado de alerta devido a uma série de execuções de policiais militares, além de ataques a bases militares no mês de junho.

Em Guarulhos, localizado na Grande São Paulo, um foragido da Justiça foi detido próximo a uma base da PM, suspeito de informar criminosos a respeito da movimentação na Companhia da Polícia Militar (PM).

Em torno das 22h35 de segunda-feira, um ônibus intermunicipal deixou o Terminal Rodoviário do Tietê sentido a São Caetano, no ABC paulista. Ao parar na Avenida Arquiteto Vilanova Artigas, o motorista disse que estava sozinho quando um garoto de cerca de 14 anos deu sinal para que ele parasse. Ao abrir a porta, mais três meninos aproximadamente da mesma idade correram em direção ao ônibus ameaçando estar com uma arma e ordenando que o motorista saísse. Então, atearam fogo no veículo.

Já na Rua Professor João Semeraro, quatro homens incendiaram um ônibus da companhia Via Sul. Segundo o motorista, ele estava parado com o cobrador aguardando a hora da próxima viagem quando eles foram pegos de surpresa pelos criminosos, e foram obrigados a descer do veículo. Um dos bandidos utilizou um maçarico para incendiar o ônibus.

Durante o final de semana, dois ônibus já haviam sido queimados na capital.