Publicado em: sábado, 25/01/2014

Mais dois mil médicos cubanos devem chegar no Brasil

Mais dois mil médicos cubanos devem chegar no Brasil Nesta sexta-feira, o Ministério da Saúde declarou que mais 2 mil cubanos serão trazidos para o Brasil para ocupar as vagas disponíveis do programa Mais Médicos. Atualmente, 5,4, dos 6,6 profissionais que atuam pelo projeto, soa cubanos. A expectativa é que os médicos cheguem no nosso pais já na próxima terça-feira. O desembarque será feito em São Paulo, Fortaleza e Brasília, onde vão realizar o curso de acolhimento e formação, com duração de três semanas. Depois disso, os cubanos vão passar por uma avaliação, e se forem aprovados, serão encaminhados para as cidades onde vão trabalhar.

A previsão é que esses médicos comecem com as atividades já no início de março. A decisão de buscar mais cubanos veio após o número de inscritos independentes na terceira fase do processo ter sido baixo, com apenas 891. Isso representa 14% das mais de 6 mil vagas que o programa oferece. Ontem, o governo deu início a quarta fase de inscrições do Programa Mais Médicos. O objetivo é chegar a meta de 13 mil médicos trabalhando pelo programa, até o mês de março. Os interessados devem se candidatar até o dia 5 de fevereiro, até as 20 horas. Distribuição das cidades – ainda não foram definidos os municípios que vão receber os 2 mil cubanos.

No entanto, os 891 médicos que se inscreveram, tanto brasileiros quanto cubano, já escolheram aonde preferem atuar. Segundo informações do governo federal, o maior número de profissionais deverá atuar no Nordeste, com 274 profissionais. Já o Sudeste é a segunda região que mais vai receber os doutores, chegando até a 230. A expectativa é que os brasileiros comecem os trabalhos no dia 3 do mês que vem, enquanto os cubanos darão início nas atividades em 5 de março.