Publicado em: segunda-feira, 17/10/2011

Mais de 100 manifestantes são presos em Chicago

No domingo (16), a polícia de Chicago informou que aproximadamente 175 manifestantes foram presos em uma praça central onde alguns haviam montado barracas e sacos de dormir. Seria um protesto inspirado no movimento ‘Occupy Wall Street’, de Nova York.

Mais de duas mil pessoas foram atraídas pelo protesto e marcharam do Federal Reserve Bank of Chicago até o Grant Park. O local também foi cenário de protestos contra a guerra durante a Convenção Democrática de 1968. Não foram divulgados mais detalhes sobre as acusações contra os manifestantes.

Sábado (15) foi um dia mundial de manifestações, começando na Ásia e Europa, passando pelos Estados Unidos e Canadá. Diversas cidades como Washington, Boston, Chicago, Los Angeles, Miami e Toronto tiveram manifestações nesse final de semana. O movimento tem ganhado força no último mês, encerrando no Dia da Raiva global no sábado.

Na maioria dos países os protestos foram pacíficos, com exceção de Roma, onde aconteceram alguns tumultos. O movimento foi organizado principalmente pelas redes sociais. Alguns críticos acusam o grupo de não divulgarem uma mensagem clara.