Publicado em: sábado, 12/04/2014

Luz azul violeta contida em aparelhos celulares podem trazer problemas graves, como a cegueira

Luz azul violeta contida em aparelhos celulares podem trazer problemas graves, como a cegueiraUma simples luz a princípio nociva, pode ser a causa de problemas de saúde por conta de seu uso em excesso. A fontes dessa luz são encontradas nos celulares, tablets, telas de computadores e até TVs de tela plana, o pacote completo que hoje em dia a população usa a todo tempo. De acordo com estudos feitos, a exposição dessa luz em longo tempo pode ser responsável por uma degeneração macular, desencadeando problemas sérios na retina, podendo levar até a cegueira. A diretora da Sociedade de Oftalmologia Pediátrica da latina América, Márcia Beatriz Tartarella, afirma que o efeito é cumulativo, o que quer dizer que, não vai acontecer nada no mês seguinte, mas sim ao longos dos anos.

Já o diretor que é responsável pelo Tranjan Centro Oftalmológico, Alfredo Tranjan, conta que existem dois tipos de luz azul e são classificados como “luz azul turquesa e azul violeta”, o turquesa é considerada uma luz boa, que não prejudica os olhos. Ela é responsável por organizar o relógio biológico, por conta disso, já existem estudos que estão sendo feitos para colocar essa luz no painel de carros, para manter o motorista alerta.

Perigo

O grande problema mesmo está contido na luz azul violeta, que pode trazer degenerações maculares e desencadear até a catarata, acredita a diretora da Sociedade de Oftalmologia Pediátrica da Latino América. Esses problemas geralmente ocorrem em pessoas que passam horas na frente de aparelhos e ficam diretamente ligada nessa luz, fazendo uso de celulares, TVs, tablets e telas de computadores, por isso, com o tempo elas podem sofrer com esses problemas. Tranjan explica que, se uma pessoa se expõe durante 7h por dia nessa luz, a partir dos 25 anos, com 40 ela pode ter um problema e ainda ressalta que podem não acontecer logo, mas sim, a longo prazo.