Publicado em: sexta-feira, 19/10/2012

Luxemburgo pede para continuar no Grêmio

Luxemburgo pede para continuar no GrêmioConquistar o título do Brasileirão de 2012 é uma tarefa praticamente impossível para o Grêmio. Contudo, o tricolor gaúcho vive um bom momento, sendo um dos adversários mais temidos da competição. De acordo com Vanderlei Luxemburgo, treinador da equipe desde fevereiro de 2012, o Grêmio recuperou seu respeito e grandeza.

O objetivo de Vanderlei, agora, é buscar a vice-liderança na competição. Atualmente o Grêmio está na terceira posição, dois pontos atrás do vice-líder, o Atlético-MG. O treinador relembrou, após o empate contra o Fluminense, nesta quarta-feira, que chegou ao clube para recuperar o prestígio do tricolor gaúcho. Luxemburgo acredita que este objetivo foi cumprido.

Números

Os números jogam a favor de Luxemburgo. O treinador conseguiu sanar um dos maiores problemas do Grêmio nas últimas temporadas: as partidas como visitante. Em 2011, por exemplo, jogando fora de casa, o Grêmio conquistou apenas 26% dos pontos disputados.

Neste ano, o número subiu para 47%. Com 23 pontos conquistados longe do seu estádio, o tricolor gaúcho é o segundo melhor visitante da competição, perdendo apenas para o líder Fluminense. Em 2009, o Grêmio foi o típico time caseiro: embora muito forte no Olímpico, conquistou apenas uma vitória fora de casa.

Permanência

Durante a entrevista coletiva após o empate contra o Fluminense, Vanderlei Luxemburgo exaltou a atual fase do tricolor gaúcho e, com a vaga na Libertadores cada vez mais próxima, afirmou que deseja continuar no comando da equipe.

A diretoria gremista ainda não se pronunciou em relação à renovação de Vanderlei Luxemburgo. Contudo, devido à recuperação da equipe, é improvável que o treinador seja mandado embora após o término da temporada.

A permanência de Luxemburgo daria ao treinador uma nova possibilidade de disputar uma Libertadores. Embora seja um dos técnicos mais gabaritados do Brasil, Vanderlei nunca conquistou a competição continental. Em 2007, alcançou as semifinais com o Santos, mas foi eliminado pelo próprio Grêmio.