Publicado em: sexta-feira, 18/11/2011

Lupi afirma que vai devolver dinheiro de diárias no Maranhão

O Ministério do Trabalho informou nesta sexta-feira (18) que o ministro Carlos Lupi vai devolver aos cofres públicos o valor gasto com as diárias em sua viagem ao Maranhão, que causou polêmica no Planalto após a acusação que teria feito o passeio a convite do empresário Adair Meira, que teria pago pelo jatinho usado no transporte. O valor total é R$ 1.736,90, mas ainda não foi comprovada nenhuma irregularidade nesse gasto pelo ministro.

Lupi fez a promessa de ressarcimento perante o Senado na tarde de quinta-feira (17) e encaminhou e encaminhou o relatório do processo da viagem à Controladoria-Geral da União (CGU) para que seja avaliado se há irregularidades ou não. Caso nada seja comprovado, o ministro será reembolsado. Normalmente, primeiro deve ser feita a comprovação para que depois o acusado seja penalizado. Porém, o próprio ministro afirmou que prefere pagar o valor. De acordo com ele, a viagem cumpria com a agenda do Ministério e também com a do seu partido, o PDT, pois é líder da legenda.

Em seu depoimento, Lupi declarou “que eu me recorde houve pagamento de diária apenas na sexta-feira, mas preciso checar essas informações e mando aos senhores senadores. Mas se houver alguma irregularidade eu devolverei o dinheiro, sem nenhum problema. Primeiro precisamos ver se há algum problema porque eu cumpri agenda partidária e pelo ministério”.

A oposição pede que o ministro seja substituído por conta das acusações, mas a presidenta Dilma Rousseff (PT) estaria garantindo a sobrevida de Lupi no cargo para não cair em uma manipulação política.