Publicado em: quinta-feira, 27/03/2014

“Lulu dos motoristas” ganha prêmio em São Paulo

Lulu dos motoristas ganha prêmio em São PauloA CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) de São Paulo promoveu uma “maratona de hackers” com o objetivo de incentivar a criatividade e buscar soluções para o trânsito de São Paulo. O vencedor do concurso foi anunciado nesta quarta-feira, 26 de março. O grande premiado foi o aplicativo “Como Estou Dirigindo?”, apelidado de “Lulu dos motoristas”, em alusão ao polêmico aplicativo Lulu, no qual mulheres avaliavam homens a partir de uma série de critérios.

O aplicativo foi criado pela equipe Mil Diálogos, e funciona de maneira colaborativa, utilizando informações como geolocalização e a placa dos veículos avaliados.

O aplicativo

De acordo com os desenvolvedores do aplicativo, o principal público-alvo são os pedestres, que podem se manifestar em relação ao trânsito através dos recursos disponíveis no programa. O “Como Estou Dirigindo?” foi desenvolvido para Android e, com ele, os usuários têm a possibilidade de avaliar motoristas desconhecidos. Para isso, basta apenas digitar a placa do veículo e selecionar quais hashtags se encaixam em sua opinião. A partir da localização do usuário, será possível identificar local, data e hora da avaliação.

Motoristas

A equipe Mil Diálogos também encoraja os próprios motoristas a se cadastrarem no aplicativo. Desta forma, é possível ver qual foi a avaliação obtida no aplicativo. Todas as informações relacionadas ao próprio motorista e aos usuários do aplicativo são mantidas em sigilo.

Educação no trânsito

O Lulu foi muito criticado por seu tom punitivo, sendo por muitas vezes utilizado para se vingar de alguém. Contudo, com o “Como Estou Dirigindo?”, o objetivo é que isso não se repita. De acordo com Amanda Letícia, uma das criadoras do aplicativo, o objetivo é conscientizar e educar o trânsito, sem estímulos a ofensas e constrangimentos.

Embora possua hashtags negativas para motoristas imprudentes, o aplicativo estimula a utilização das hashtags elogiosas. Segundo os desenvolvedores, o prêmio será utilizado no desenvolvimento do próprio aplicativo. Embora ainda não esteja disponível para download, o “Como Estou Dirigindo?” deve chegar em breve à Google Play, e será gratuito.

Quando criou a maratona, a CET não tinha a intenção de produzir os apps vencedores do concurso. Contudo, os criadores do aplicativo pretendem se reunir com membros da companhia para buscar maneiras de viabilizar a ideia.

Outros projetos

O segundo colocado da maratona, que recebeu um prêmio de R$7 mil, foi um aplicativo que cria rotas para ciclistas no trânsito de São Paulo, mostrando as ciclovias mais próximas e a inclinação do terreno. Desta forma, quem pedala pode escolher os caminhos mais fáceis para chegar a seu destino.

O terceiro colocado, que foi premiado em R$5 mil, é um aplicativo desenvolvido a partir de dados da própria CET, que mostra aos motoristas a velocidade média nas vias e as condições do trânsito. A maratona promovida pela CET teve início na manhã do último sábado, dia 22, e durou 28 horas. No total, foram distribuídos R$22 mil em prêmios. Em outubro, a SPTrans já havia realizado uma maratona similar, mas com foco no transporte público de São Paulo.