Publicado em: quinta-feira, 12/09/2013

Luciana Vendramini volta à TV

Luciana Vendramini volta à TVA atriz Luciana Vendramini posou em um ensaio fotográfico e promete voltar à televisão. Para quem ainda não sabe quem é a bela ou mesmo não lembra, Luciana surgiu ainda bastante jovem ao mundo da fama. Ela ainda nem tinha completado seus 18 anos e apareceu na revista masculina “Playboy”. Na época, os pais dela tiveram que autorizar o ensaio nu que fazia alusão à função de paquita no programa Xou da Xuxa.

No novo ensaio fotográfico, Luciana mostra que conseguiu se manter bela mesmo com o passar dos anos. Atualmente, ela está no auge dos seus 42 anos de vida. A loira está em fase de preparação para sua volta às telinhas. A partir outubro, o público maior de 30 anos irá rever a musa.

Luciana irá ao ar em uma atração sobre mulheres divas do mundo do cinema. O programa será exibido no canal fechado TCM. A bela não aparece ao público há certca de dois anos. A produção tem locações nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro. Ao longo de sua carreira como atriz, Luciana contabiliza seis novelas.

No cinema, ela aparece em produções ao lado do apresentador de televisão Renato Aragão como no longa metragem “Casamento dos Trapalhões”, do ano de 1986. Além dele, ela ainda teve participação no elenco de “Essa vontade maldita de ser pássaro”, filme de 2011.

A atriz já sofreu por conta do Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC) quando tinha 24 anos. Ela lembra que passeava de bicicleta à beira da lagoa Rodrigo de Freitas e não conseguia mais parar de pedalar. A necessidade dela era continuar dando voltas e ficou muito angustiada.

Ela diz que precisava imaginar algo bom associada a uma ação como lavar as mãos. Caso começasse a pensar em algo ruim, precisava repetir a ação até passar. Luciana sofreu com suas manias e até mesmo chegou a passar oito horas debaixo do chuveiro. A atriz diz que não conseguia dar fim a esse problema.

Foram três longos anos de isolamento, ela só conseguia conviver com os pais além da irmã e uns poucos amigos. Eles é que deram força para ela superar a situação. Até o diagnóstico foram dois anos. Aí começou o tratamento de um ano para se recuperar.