Publicado em: segunda-feira, 16/07/2012

Londres 2012 – Laís Souza é cortada das Olimpíadas

A ginasta brasileira Laís Souza terá de desistir do sonho de disputar uma Olimpíada. A atleta acabou sendo cortada dos Jogos de Londres, no último sábado (14), após sofre uma lesão na mão, e com isso foi cortada da seleção brasileira, a menos de dez dias do início da competição na Inglaterra.

A contusão de Laís aconteceu quando ela já se encontrava na Grã-Bretanha. A ginasta participava de uma sessão de treinamentos na cidade de Ipswich, na Inglaterra, onde a equipe de ginástica instalou sua preparação para os Jogos, e ao sair de um exercício nas barras, acabou sofrendo uma ruptura no metacarpo direito.

Laís Souza relatou que a contusão ocorreu no momento em que ela trainava a saída do aparelho, ao apoiar uma das mãos para realizar um salto mortal, e acabou torcendo em um dos dedos. A ginasta ainda comentou que este é um tipo de incidente bastante comum durante os treinamentos, e que apesar de incomodar, a lesão não estava doendo tanto. A ginasta ainda confessou que ficou muito triste com a notícia de que não poderá disputar as Olimpíadas, mas que está tentando assimilar o fato, e a preocupação é seguir o tratamento da contusão.

Logo após se machucar durante o exercício, Laís foi atendida pelo médico da equipe, José Padilha, e encaminhado ao hospital Kings College, em Londres, onde foi atendida por um cirurgião especialista em mãos, que acabou confirmando a fratura. Em seguida da Confederação Brasileira de Ginástica (CBG) confirmou que Laís estava cortada da seleção.

Para o lugar da ginastas machucada, a CBG anunciou que Ethiene Franco deverá ser chamada. O Brasil tem até o dia 24, quando acontece o congresso técnico da modalidade, para confirmar os nomes de sua equipe nos Jogos Olímpicos de Londres. A seleção brasileira ainda conta com as ginastas Daniele Hypolito, Bruno Leal, Adrian Gomes e Daiane dos Santos.