Publicado em: segunda-feira, 13/08/2012

Londres 2012: Giba se despede da seleção brasileira de vôlei

Londres 2012: Giba se despede da seleção brasileira de vôleiDepois de defender a seleção brasileira de vôlei masculino por vinte anos, sendo que 16 deles foram no time principal, um ciclo chega ao fim para o jogador Giba. A partida final do Brasil contra a Rússia nas Olimpíadas de 2012, realizadas em Londres e encerradas no domingo, 12 de agosto, foi a despedida do atleta e não acabou sendo como ele esperava.

As esperanças de Giba era que sua carreira na seleção brasileira terminasse da melhor maneira possível, com uma medalha de ouro no peito. Mas os brasileiros perderam para a Rússia e acabaram ficando apenas com a medalha de prata, um ótimo prêmio, mas não o que era aguardado por ele.
Em entrevista, Giba contou que a partida final contra a Rússia não foi o que ele esperava, já que ele, assim como o resto dos jogadores do Brasil, estava esperando o ouro e contou ainda que perder sempre é ruim.

O atleta ainda disso que passou uma vida inteira na seleção brasileira e que o que ele levará de mais importante dessa experiência será o conhecimento que ele obteve junto do time. Ele ainda lembrou que seus companheiros de equipe são como se fossem parte de sua família.

Agora que se aposentou das quadras pela seleção brasileira, Giba ainda irá decidir o que irá fazer dentro e fora das quadras. Já está definido que dentro de quadra ele vai defender o time do Bolivar, da Argentina, onde deve permanecer por duas temporadas no comando da equipe. Paralelo a isso, o astro da seleção do Brasil, que fez cursos de marketing e administração voltados para o esporte, pode começar em breve a trabalhar nos bastidores do mundo do vôlei.