Publicado em: quarta-feira, 27/02/2013

Lindsay Lohan pode voltar para reabilitação

Lindsay Lohan pode voltar para reabilitaçãoPor ter bebido e batido o carro em junho de 2011, em uma Estrada da Costa do Pacífico, Lindsy Lohan pode voltar a se tratar contra dependência química.

Na ocasião, foi encontrada uma garrafa de bebidas em seu carro e os policiais afirmam que ela tinha hálito etílico, porém, não chegaram a fazer o teste do bafômetro na atriz.

Para reparar o erro, autoridades locais estão oferecendo a proposta de trocar a prisão por 60 dias de reabilitação domiciliar. A pena é significativamente menor do que o veredito anterior, o qual ela acabou mentindo dizendo que não estava ao volante.

A justiça propõe que Lindsay participe de encontros com o grupo de alcoólicos anônimos e preste serviços comunitários que podem ser feitos próximo a sua residência em Nova York, sempre com supervisão judicial.

Nesta quarta-feira (27) acontece o encontro entre o advogado da atriz e o Ministério Público para definir o melhor destino da cliente. Contra vem a procuradoria de Los Angeles que deseja que a atriz cumpra pena de prisão por ter violado a liberdade condicional o qual havia conquistado anteriormente. Quem decide o destino da atriz será mesmo o Ministério Público.

O advogado de Linsday Lohan, Mark Heller, já sugeriu anteriormente que ela possa dar palestras motivacionais a jovens mostrando seu exemplo, de que violar a liberdade condicional pode trazer consequências amargas. A intenção é que ela leve a experiência para hospitais e escolas.

O pedido foi oficializado por uma carta e já encaminhado ao Ministério Público, que anexa este pedido com outros de alternativa de pena.