Publicado em: segunda-feira, 15/04/2013

Lindsay Lohan ameaça desistir da reabilitação

Lindsay Lohan ameaça desistir da reabilitaçãoSe os médicos de Lindsay Lohan decidirem obrigá-la a deixar o uso de um remédio chamado Adderall, usado para tratamento de depressão, déficit de atenção e hiperatividade, a atriz pode acabar desistindo do internamento na clínica de reabilitação para tratamento de sua dependência química.

A atriz tem hoje em dia 26 anos e deve passar cerca de 90 dias internada no Centro Seafield em Westhampton Beach, Nova Tork. O internamento na reabilitação faz parte da pena recebida pela atriz. Em março, ela foi condenada a passar três meses em reabilitação, além de cumprir 30 dias de trabalho comunitário, somados a sessões de psicoterapia ao longo de 18 meses. A condenação aconteceu após um acordo judicial devido a acusações por um acidente de carro em junho do ano passado.

O acidente aconteceu ao sul da Califórnia e não foi o primeiro caso em que Lindsay Lohan se envolveu, sendo já acusada de furto e uso de substâncias químicas. Um site americano de fofocas publicou a afirmação de uma fonte oficial do Centro de reabilitação de que embora no local seja possível o uso de medicamentos prescritos por um médico, a política é de cautela com o Adderall.

Isso porque o uso desse medicamento, sendo justificado muitas vezes por problemas com déficit de atenção, é usado na verdade para perder peso e também por conta de efeitos alucinógenos da substância. De acordo com esta fonte, a clínica sempre oferece um medicamente alternativo para o tratamento do paciente. Lohan usa este medicamento há anos e afirmou que se recusará a usar um susbtituto.