Publicado em: sábado, 22/10/2011

Líbia deve ter eleições legislativas em oito meses, diz primeiro-ministro

O primeiro-ministro do Conselho Nacional de Transição (CNT), Mahmoud Jibril, afirmou neste sábado (22) que a Líbia vai ter eleições legislativas dentro de oito meses. Será criado um novo conselho responsável por definir a nova Constituição e formar o governo interino. Para o premiê, a prioridade do momento é conseguir limpar as armas das ruas e restabelecer a ordem no país. Quando a morte de Muamar Kadafi, ditador do país por 42 anos, foi anunciada, a secretária de estado dos Estados Unidos, Hillary Clinton, havia afirmado que isso não significava o fim dos conflitos internos.

Em anúncio feito na Jordânia, Jibril afirmou que “a primeira eleição deve ocorrer no máximo em oito meses, para constituir um congresso nacional da Líbia, algum tipo de parlamento. Esse congresso nacional teria duas tarefas: esboçar uma constituição, sobre a qual teríamos um referendo, e depois formam um governo interino que duraria até a primeira eleição presidencial”.

Com dois dias completos desde a confirmação da morte de Kadafi, o CNT passou a ter necessidades concretas a serem resolvidas. Até então, o Conselho defendia que precisavam dominar todo o território da Líbia antes de darem início ao processo de democratização do país. Agora, o CNT precisa cumprir com as expectativas do povo que passou por oito meses de conflito interno armado.