Publicado em: quarta-feira, 03/10/2012

Leo Moura afirma que Adriano precisa querer ajuda para seguir carreira no futebol

Leo Moura afirma que Adriano precisa querer ajuda para seguir carreira no futebolA diretoria do Flamengo decidiu perdoar o atacante Adriano que faltou a dois dias de treinamento no último final de semana no clube. O jogador não compareceu nas atividades programadas para sábado e domingo. Na segunda-feira (1º), o jogador apareceu no Centro de Treinamento Ninho do Urubu apenas para conversar com os dirigentes de clube e logo foi embora. Mas na última terça-feira (2), Adriano chegou meia hora mais cedo do que o previsto e já quis mostrar serviço, já que um voto de confiança foi dado pela direção.

Para o lateral-direito e capitão do Flamengo, Leo Moura, não adianta nada o jogador receber apoio da direção do clube e dos demais companheiros se ele não quiser receber ajuda neste momento tão conturbado de sua carreira. O jogador disse ainda que sempre foi companheiro de Adriano e mesmo quando ele não estava no clube ligava para saber sobre ele, mas se o atacante quiser voltar a atuar em alto nível precisa se dedicar mais e querer realmente isso.

Sobre as várias polêmicas nas quais Adriano já se envolveu, Leo Moura disse que alguns atletas tem mais dificuldade do que outros quando saem de dentro do ambiente do clube. Segundo ele, fora de campo existem várias pessoas que querem apenas extorquir ou então tirar o foco dos atletas e é nesse momento que esses jogadores precisam de mais ajuda.

Adriano foi reintegrado ao elenco do Flamengo mesmo após ter faltado a um treinamento pela terceira vez. No seu contrato estava estipula que em caso de três faltas o acordo seria rompido, mas a direção decidiu relevar o fato. O contrato do atacante é válido apenas até o final de 2012 e restam ainda 11 rodadas para o jogador voltar a atuar.