Publicado em: terça-feira, 16/07/2013

Kinect pode monitorar reações de usuários, no futuro

Kinect pode monitorar reações de usuários, no futuroO novo console de videogame Xbox One com também seu, desta vez, de essencial presença o novo Kinect, conta com um sensor de movimentos sendo uma ferramenta um tanto quanto turbinada para os gamers jogadores, pois ela, digamos tem uma capacidade de enxergar, ouvir e compreender melhor a pessoa que estará na frente.

Este novo dispositivo tem potencialidade de ser também uma das janelas para a própria Microsoft e seus anunciantes, pois eles tinham a necessidade para captar os dados do universo offline de seus potenciais clientes. Das patentes da empresa da Microsoft, três delas que foram recentemente descobertas demonstraram algumas de seus intuitos.

Um destes registros apontados conta a respeito de um sistema com as câmeras da ferramenta Kinect que poderia ter a possibilidade de observar o comportamento os usuários quando estes assistissem a televisão, por exemplo. Para esta, a empresa tem discutido como que esta ferramenta poderia compensar o usuário se ele fosse implementado e se tornasse além de tudo a televisão com maior interatividade.

O funcionamento seria, por exemplo, ao usuário assistir a uma determinada novela durante sua primeira semana este estaria atingindo a um objetivo e em troca receberia pontos, um sistema que se parece com outro que participa do universo dos videogames.

A companhia Microsoft neste documento descreve neste documento que este sistema serviria para o registro dos hábitos de uma até uma população maior de pessoas que compilados formariam relatórios para análise em resultados de comportamento e apontamentos em audiência.

A outra patente gostaria que o Kinect registrasse as expressões faciais e usasse em promoções para os usuários, às pessoas com expressões felizes ganhariam festas, viagens, por exemplo.

Ainda a terceira destas patentes usaria o Kinect para constatar o número de indivíduos que estão no ambiente assistindo ao streaming de filmes e pudesse a partir daí fazer cobranças, se as pessoas presentes somassem um número maior daquele que foi permitido através da licença atribuída de exibição.

Estas patentes dizem conceitos que não serão realidade, mas mostram o que a empresa tem em mente para o futuro.