Publicado em: terça-feira, 18/09/2012

Kate Middleton – França proibiu divulgação de imagens de Kate de topless

Kate MiddletonA Justiça francesa proibiu hoje (18) a publicação das imagens da esposa do príncipe William, Kate, em que ela aparece fazendo topless. As fotos, que foram publicadas na revista Closer na última sexta-feira (14) gerou uma revolta muito grande por parte da família real, que chegou a comparar a situação com a vida da princesa Diana. A decisão exige que a revista entregue, em 24 horas, as fotos originais. Caso não seja cumprida a decisão, a empresa vai receber uma multa de 10 mil euros (em torno de R$ 26,4 mil) por dia de atraso.

As fotos foram tiradas este mês quando o príncipe e a duquesa tomavam sol na sacada da mansão na Provença, que fica no sul da França, que é de propriedade de um dos sobrinhos da rainha Elizabeth 2ª, que é a avó de William.

Em uma decisão que foi tomada separadamente no tribunal de Nanterre, o órgão determinou que houvesse a abertura de um novo inquérito criminal que averigue a fundo as publicações das fotos. O inquérito irá analisar se existe base para poder responsabilizar criminalmente a revista, a empresa que publicou a revista e também o fotógrafo que conseguiu captar as imagens.

Os advogados de William e de sua esposa alegaram que a publicação das imagens em que Kate aparece com os seios á mostra, teria violado totalmente a intimidade do casal. Um dos advogados da Closer afirmou que a reação do casal real britânico foi “desproporcional”.

Depois da publicação, as fotos foram republicadas na Itália, pela revista de fofocas Chi, pelo jornal irlandês The Irish Daily Star e também por dezenas de sites na internet, o que agravou ainda mais a situação.

O casal real, o segundo que está na linha de sucessão ao trono britânico, estão recentemente em viagem oficial por nove dias pela Ásia, que faz parte das diversas comemorações dos 60 anos do reinado da atual rainha da Inglaterra, Elizabeth 2ª.