Publicado em: sexta-feira, 09/12/2011

Kashiwa Reysol vence na abertura do Mundial e pode enfrentar Santos

Sob o comando do brasileiro Nelsinho Baptista, o Kashiwa Reysol conquistou o campeonato japonês no último sábado. Mas a festa durou pouco, já que o time faria a abertura do Mundial de Clubes na cidade de Toyota, no Japão, nesta quinta-feira (8). Enfrentando os neozelandeses amadores do Auckland City, o time japonês não teve dificuldades e venceu por 2 a 0, classificando-se para as quartas de final e chegando mais perto de enfrentar o Santos.

No próximo domingo (11), o Kashiwa joga contra o Monterrey, do México, em partida válida pelas quartas de final. O vencedor do confronto enfrenta o Santos no dia 14 na primeira semifinal. Pela outra chave, o Barcelona aguarda o vencedor da partida entre o Espérance Sportive, da Tunísia, e Al-Sadd, do Qatar e joga no dia 15.

Na partida desta quinta, o Kashiwa dominou desde o começo. Pressionando o Auckland, logo aos três minutos surgiu a primeira oportunidade. O time da Nova Zelândia só conseguia ficar fechado na defesa e o primeiro ataque aconteceu apenas aos 31 minutos. A pressão japonesa funcionou e, aos 37, quando Junya Tanaka bateu no canto, sem chances para o goleiro. Dois minutos depois, Kudo ampliou o marcador para o Kashiwa.

No segundo tempo, a equipe anfitriã diminui o ritmo, permitindo que o Auckland fosse para cima e quase diminuísse a diferença. Aos 33 minutos, Mulligan teve boa chance, mas Sugeno fez boa defesa. No lance seguinte, foi a vez de Exposito quase diminuir e colocar fogo na partida, mas o goleiro japonês fez nova boa defesa. O Kashiwa garantiu a vitória por 2 a 0 e volta a campo no domingo, contra o Monterrey.