Publicado em: quarta-feira, 05/10/2011

Justiça manda São Paulo devolver ‘Taça das Bolinhas’

A polêmica em torno da ‘Taça das Bolinhas’ teve mais um capítulo na última terça-feira (04). A Justiça determinou que o São Paulo devolvesse o troféu para a Caixa Econômica Federal, devendo ser comunicado oficialmente da decisão nos próximos dias.

A devolução da Taça das Bolinhas foi uma determinação da Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. Agora, o tricolor paulista só poderá recorrer da decisão em instância máxima, no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

A presidente do Flamengo, Patrícia Amorim, comemorou a decisão, e afirmou que o clube ‘não irá descansar enquanto a taça não vier para a Gávea’. Já o São Paulo, por meio de seu departamento jurídico, informou que irá ‘lutar até o fim’ pelo troféu.

A polêmica sobre a Taça das bolinhas diz respeito ao fato de que Flamengo e São Paulo reivindicam o posto de primeiro pentacampeão brasileiro. A indefinição diz respeito ao campeonato de 1987, quando o Flamengo foi campeão do Módulo Verde da Copa União, e o regulamento previa a decisão com o campeão do módulo Amarelo, Sport. A final não ocorreu e até hoje há uma indefinição sobre o a validade do título flamenguista, que recentemente foi reconhecido pela CBF.