Publicado em: segunda-feira, 26/03/2012

José Serra vence prévias do PSDB na capital paulista

O já favorito na disputa para representar o PSDB nas eleições municipais de São Paulo, venceu as prévias ontem, dia 25 de março. Jose Serra fez 52% dos votos, totalizando 3.176. O candidato tinha dois concorrentes: José Aníbal (secretário estadual de Energia) e Ricardo Trípoli (deputado federal). Aníbal fez 31% dos votos (1.902) e Trípoli 16%, somando 1.018. Foram contabilizados ainda 133 nulos e brancos.

A votação interna do partido aconteceu ontem, no horário das 9 às 15 horas em 58 diretórios na cidade. A apuração ocorreu logo após a finalização da eleição na Câmara Municipal de São Paulo. Ao todo, foram contabilizados 6.229 participantes do total de 20.500 filiados. Com 52% dos votos, Serra é o candidato oficial para representar o PSDB nas eleições de São Paulo.

Mesmo depois de ter renunciado ao cargo de prefeito de São Paulo para disputar o cargo o governo do Estado, Serra quer participar da eleição municipal mais uma vez. Em 2006, quando Serra pediu afastamento, Gilberto Kassab (PSD) assumiu a prefeitura, já que era seu vice.

Desta vez Serra teve problemas com a entrada na disputa, pois demorou mais que os demais candidatos a decidir se entraria na disputa ou não. As prévias estavam marcadas para 11 de março e foram adiadas para que Serra pudesse se articular no partido. Esse processo lento e conturbado causou problemas internos e dividiu os filiados ao partido. De início havia outros dois candidatos, mas estes abandonaram a disputa para apoiar Serra quando ele decidiu que entraria na disputa. Trata-se de Bruno Covas (Ambiente) e Andrea Matarazzo (Cultura).

Na época, o ex-governador justificou a sua inscrição nas prévias dizendo que estava atendendo a um “chamado de sua consciência”. Segundo ele, participar das prévias lhe daria credibilidade e legitimidade para representar o seu partido nas eleições. Segundo ele, essa será uma disputa importante não apenas para São Paulo, mas para o estado e o país.