Publicado em: sexta-feira, 21/06/2013

Jornal e novelas são interrompidas na Globo para acompanhar manifestações

Jornal e novelas são interrompidas na Globo para acompanhar manifestaçõesA transmissão das novelas Flor do Caribe e Sangue Bom foram ontem (20) interrompidas na Rede Globo para exibição do quadro de manifestações em várias cidades do país. Não só as novelas sofreram interferências na programação, já que até mesmo o Jornal Nacional deixou de ser exibido, assim como as edições regionais dos telejornais.

A jornalista Patrícia Poeta foi quem ficou responsável pela cobertura dos protestos. As manifestações tiveram início por volta das 16 horas e neste momento a cobertura era exibida apenas como flashes ao vivo durante a exibição da novela da tarde. A programação já havia sido afetada por conta da exibição de jogo da Copa das Confederações. Somente a novela do horário nobre, Amor à Vida, não sofreu interferência, começando apenas 10 minutos mais tarde que o horário tradicional.

William Bonner entrou ao ar ao vivo, na bancada do Jornal Nacional, às 19h50, para anunciar que o jornal não teria edição naquele noite, já que os fatos que seriam reportados no programa estavam acontecendo sucessivamente naquele momento. O jornalista, inclusive, já havia deixado de lado a cobertura da Copa das Confederações por conta da importância das manifestações, voltando então a redação do jornal no Rio de Janeiro.

Quem também deu atenção especial aos protestos foi a Rede Record, que transmitiu durante quase toda a tarde e noite um especial do programa Cidade Alerta, comandado por Marcelo Rezende. A emissora vem dando bastante destaque para a cobertura das manifestações e não ficou atrás da Globo no especial de ontem.

Em outras emissoras, como Rede TV!, Band e SBT não chegaram a mudar o roteiro da programação habitual. Nem mesmo o SBT, que teve um carro incendiado durante as manifestações, alterou a cobertura do caso.