Publicado em: quarta-feira, 07/03/2012

Jornal afirma que corpo de Bin Laden não foi jogado no mar

Nesta quarta-feira (7), o jornal espanhol “Público” anunciou que o corpo do ex-líder da rede terrorista al-Qaeda, Osama Bin Laden não foi jogado no mar, desmentido as afirmações das autoridades norte-americanas. De acordo com a notícia, que teve como base documentos vazados pelo WikiLeaks, o corpo de Bin Laden foi levado para os Estados Unidos em um avião da CIA.

O “Publico” e outros jornais tiveram acesso aos e-mails da Stratflor Global Intelligence, empresa privada de segurança. Os e-mails revelam que Bin Laden nunca foi sepultado em alto-mar. O ex-terrorista foi assassinado em Abbottabad, no Paquistão, por um grupo de forças norte-americanas no ano passado. Fred Burton afirma, em uma mensagem “superconfidencial”, que foi informado sobre o destino do corpo. A mensagem tem como título “OBL”, e o jornal interpretou como se fossem as iniciais de Osama Bin Laden.

A mensagem

O jornal espanhol publicou a mensagem de Burton que dizia: “(alpha) o corpo esta a caminho de Dover, Delaware, em um avião da CIA”. O jornal explicou que “alpha” significa que o conteúdo da mensagem é limitado para “uma reduzida cúpula de máxima responsabilidade da corporação”. Ainda de acordo com a publicação do jornal, existe uma base da Força Aérea dos Estados Unidos em Dover.

Burton, ex-agente especial do Serviço Secreto Diplomático do Departamento de Estado norte-americano, disse ainda na mensagem que, depois de Dover, “seguirá até o Instituto de Patologia das Forças Armadas em Bethesda”. De acordo com o governo dos EUA, o corpo do ex-terrorista foi levado de Abbottabad até o porta-aviões Carl Vinson, onde todos os costumes islâmicos foram seguidos e depois, em uma bolsa com pesos, o corpo foi lançado no mar.