Publicado em: terça-feira, 05/02/2013

John Travolta é processado por assédio sexual a homens

John Travolta é processado por assédio sexual a homensApesar do pedido do ator, o juiz federal norte-americano, que cuida do caso, negou sigilo no processo. Um integrante da tripulação de um navio cruzeiro denunciou John Travolta por assédio e tentativa de suborno. Os advogados do ator queriam que o processo de assédio sexual ficasse “por baixo dos panos”. Mas a ação ocorrerá em aberto, assim como é feito em qualquer outro processo.

A ação foi movida pelo funcionário da Royal Caribbean, Fabian Zanzi. Segundo ele, John Travolta exibiu seu pênis e tentou agarrá-lo. Isso aconteceu no momento em que Fabian foi entregar uma refeição na cabine em que o ator estava hospedado. O fato teria acontecido no mês de junho de 2009. Após o rapaz ter ficado indignado com a atitude do ator, John teria oferecido 12 mil dólares (o equivalente a 23,8 mil reais) para que nada fosse revelado.

Além de Fabian, outros dois homens entraram com processo judicial contra Travolta. Os advogados dele, falaram simplesmente que o funcionário do cruzeiro queria repercussão na mídia e ganhar fama. Além disso, que Travolta será inocentado. O ator enfrenta outros processos por conta de seus supostos encontros gays.

Um homem que escreveu um livro, Robert Randolph, sobre as relações homossexuais de Travolta, entrou com ação por difamação. A acusação é por conta de o ator de ter dito que ele tem problemas mentais. Segundo Robert, a repercussão das palavras de Travolta influenciou na venda do livro “Você nunca irá a sauna de novo nesta cidade”.

No total, quatro massagistas acusam o ator também por assédio sexual. Dois casos estão na Justiça. Os rumores da imprensa revelam que o ator de Hollywood teria mantido um relacionamento de seis anos com seu ex-piloto, Doug Gotterba. Isso teria acontecido na década de 1980. John Travolta está casado com Kelly Preston.