Publicado em: quarta-feira, 16/05/2012

Jogos Olímpicos – Zé Roberto quer selar a paz com Bernardinho

Os técnicos das seleções de vôlei do Brasil nos Jogos Olímpicos de Londres não mantêm uma relação das mais cordiais. José Roberto Guimarães, da equipe feminina, e Bernardinho, do time masculino, teriam uma ‘rusga’, que já viria de pelo menos oito anos.

Entretanto, na última quinta-feira (15), ao assumir o time feminino de Campinas, Zé Roberto fez uma rápida menção ao caso, assegurando que o desentendimento já teria passado, e que a paz entre os dois técnicos já estaria encaminhada.

A rixa entre os dois treinadores teria tido início em 2004, durante os Jogos Olímpicos de Antenas. Na ocasião, Zé Roberto afirmou que um dos maiores problemas eram os ‘tecnicos-maridos’ de algumas jogadoras, fazendo referência à então levantadora Fernanda Venturini, casada com Bernardinho.

Chegou a se especular que Bernardinho interferia no trabalho feito no time feminino, chegando a avaliar os dvds dos jogos da equipe treinada por Zé Roberto. Curiosamente, José Roberto Guimarães conta em seu currículo uma passagem – de sucesso, onde obteve medalha de ouro, em Barcelona – pela seleção masculina, e Bernardinho foi técnico da seleção feminina até os Jogos de Sidney.