Publicado em: sexta-feira, 25/05/2012

Jogos Olímpicos – Arábia Saudita deve ir a Londres sem mulheres

A delegação da Arábia Saudita deverá enviar ao Jogos de Olímpicos de Londres uma delegação formada exclusivamente por homens. O Comitê Olímpico Internacional (COI) não deve impor nenhuma sanção ao país do Oriente Médio por sua proibição de atletas mulheres.

A decisão teria sido tomada pelo conselho executivo do COI, que optou por não se manifestar a respeito da decisão da Arábia em não permitir que mulheres venham a competir em Londres. Havia uma expectativa de que o COI intervisse na decisão árabe, para que as Olimpíadas inglesas fosse a primeira edição com todas as delegações contando com a presença feminina.

O príncipe Nawaf bin Faissal se mostrou contrário à presença de atletas mulheres de seu país nos Jogos, e o COI chegou a ser pressionado por entidades ligadas aos direitos humanos para que intervisse na decisão. No entanto, o Comitê optou por apenas ‘sugerir’ que a Arábia incorpore mulheres à sua delegação.

Nos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008, a Arábia Saudita, bem como o Catar e Brunei não enviaram mulheres em sua delegação. Entretanto, para os Jogos de Londres, Brunei e Catar afirmaram que reviram suas posições e admitem a presença de atletas mulheres em suas equipes.