Publicado em: sexta-feira, 03/08/2012

Joelma, da banda Calypso, é acusada de homofobia

Joelma, da banda Calypso, é acusada de homofobiaNo último 29 de julho, quando a banda Calypso fez uma passagem pela cidade de Belém, no Pará, a cantora Joelma, que é vocalista da banda, foi filmada dando conselhos a um dos seus fãs. Na imagem, ela diz para que o estudante Michel Mendes ‘vire homem’.

A cantora diz para Michel se converter, virar homem, casar e ter filhos para dar muita alegria para o se pai e para a sua mãe. O fã não gostou do que ouviu e disse que já dava muitas alegrias para os seus pais do jeito que ele era. Não satisfeita, ela pergunta se o estudante entendeu o seu ‘conselho’ e diz que eles, assim como o ‘papai do céu’ ficariam maravilhados com a mudança de comportamento do rapaz.

No entanto, as declarações feitas por Joelma para o estudante do Belém do Pará não caíram nada bem entre os fãs da banda Calypso e entre os internautas do Brasil inteiro, que usaram as redes sociais para criticar o comportamento homofóbico da cantora. Para isso, eles utilizaram as palavras chave #calabocajoelma e fizeram com que o assunto fosse um dos mais comentados na rede de microblogs Twitter nos últimos dias.

Joelma, por sua vez, tentou se defender também por meio da sua conta no Twitter. Em suas publicações, ela diz: “Foi em Belém. Um dos ‘abusados’ do Calypso estava brincado comigo, falando das intimidades deles para mim. Fiquei vermelha e brinquei. Se eu fosse preconceituosa, meu melhor amigo não seria gay”, tentou se explicar.

Por meio de sua assessoria de imprensa, Joelma declarou estar tranquila, dizendo com que suas declarações para Michel não passaram de uma brincadeira. No entanto, ela reconheceu que a brincadeira foi de mal gosto e disse que não é preconceituosa e que não tenta converter as pessoas de forma alguma.