Publicado em: terça-feira, 29/11/2011

Joel Santana nega ‘vingança’ contra o Cruzeiro

Joel Santana treinou o Cruzeiro por poucos jogos neste Campeonato Brasileiro, e após alguns resultados ruins, foi demitido do clube mineiro. Agora, no Bahia, pode ser responsável indireto pelo rebaixamento da equipe que treinou por 15 partidas.

O tricolor baiano enfrenta o Ceará, na última rodada do Campeonato Brasileiro, e o ‘Vozão’ é concorrente ao Cruzeiro na briga contra o rebaixamento. Se o Bahia vencer, automaticamente livra a equipe mineira do descenso à Série B.

Joel Santana, no entanto, minimiza a relação do confronto da sua equipe e fuga dos cruzeirenses. O técnico descartou que exista qualquer chance de ‘vingança’ por sua parte, e uma eventual derrota para prejudicar o time que o demitiu no Campeonato Brasileiro.

Joel Santana teve um aproveitamento de oito vitórias e sete derrotas quando treinou o Cruzeiro, e ao ser demitido, disse não entender os motivos que levaram a direção cruzeirense a tomar a decisão. O site do Bahia publicou uma nota no fim de semana em que expressava a torcida pela permanência do Ceará na primeira divisão, para ‘fortalecer’ o futebol da região.