Publicado em: sábado, 03/03/2012

Jerome Valcke afirma que Brasil só quer ganhar a Copa e não organizá-la

O inimigo número 1 do Brasil no que diz respeito a organização da Copa do Mundo de 2014, o secretário-geral da Fifa, Jerome Valcke, voltou a criticar o país antes mesmo de desembarcar oficialmente por aqui para mais uma vistoria.

Valke disse na última sexta-feira (2) que a organização brasileira para a Copa está pior do que a da África do Sul para o Mundial de 2010 e que o Brasil precisa focalizar mais nas condições para a realização da competição do que em conquistar o título.

De acordo com o Secretário-geral, os africanos estavam preocupados apenas em organizar a Copa do Mundo e que no Brasil a mentalidade é diferente. Entretanto, ele elogiou o povo brasileiro e disse que o clima para a competição será excelente.

Além disso, o dirigente da Fifa lembrou que aceitou diversas exigências do governo brasileiro para que a Copa fosse a mais democrática possível. A ideia inicial da Fifa era de menos sedes, mas o Brasil queria que os jogos atingissem todas as regiões. Agora resta cobrar do Comitê Organizador Local o andamento de todas as obras.