Publicado em: terça-feira, 19/11/2013

Jennifer Lawrence diz que Hollywood não é mil maravilhas

Jennifer Lawrence diz que Hollywood não é mil maravilhasA atriz Jennifer Lawrence está com 23 anos de idade e busca ser uma pessoa comum. Ela ficou conhecida como a estrela do longa-metragem “The Hunger Games” e chegou a ganhar o Oscar. A jovem declaram que a vida em Hollywoody não é nada apetitosa quando se está no mundo das celebridades.

Ela diz que é uma realidade totalmente diferente daquela vista pelos telespectadores, quando estão deitados no sofá de casa. Jennifer não quer ter sua intimidade invadida de forma súbita. Ela diz que não mudou o seu jeito de ser depois que veio a fama e nunca sentiu que teria outra escolha.

A bela acredita que é um pouco geniosa e sua teimosia contribuiu para que sempre mantivesse a cabeça no lugar e não se deixasse levar pela popularidade. Em fevereiro deste ano, Jennifer ganhou o prêmio do Oscar na categoria melhor atriz pelo trabalho em “The Game of Destiny”. Dois anos atrás, ela também recebeu prêmio pela atuação em “Winter’s boné”.

Jennifer diz que é estranho olhar para as estatuetas, que ficam em um armário ao lado do banheiro. Ela não gosta de comentar sobre o assunto quando as pessoas a visitam em casa. Depois, deixou os prêmios nas casas dos pais, em Kentucky, que os apresentam aos amigos. No próximo dia 22, a bela estreia a sequência de “The Hunger Games: Catching Fire”. O filme é baseado em uma série de livros.

Jennifer está no papel de Katniss Everdeen. A personagem também precisa lidar com o universo artístico e se dedica a desempenhar o papel que o público exige. Mas, por trás das câmeras a situação é diferente: um ambiente falso e irreal toma conta das cenas. Por isso, Jennifer compara a situação do filme com a realidade dos artistas hollywoodianos.

A atriz leu o primeiro livro da série quando tinha 19 anos, época em que estava sendo premiada com as estatuetas do Oscar. Ela afirma que foi exatamente isso que sentiu: que a realidade de Hollywood não condizia com o que as pessoas costumavam ver na televisão. Ela foi aprendendo como as coisas funcionam com o passar dos anos e não se sente mais intimidade com a indústria do entretenimento.