Publicado em: segunda-feira, 24/02/2014

Jadson celebra boa fase em novo clube

Jadson celebra boa fase em novo clubeCom apenas duas partidas disputadas pelo Corinthians, o meia Jadson já parece ter se encontrado no novo clube. Com uma motivação que não estava encontrando no São Paulo, sua antiga equipe, Jadson se mostra ainda ressentido com a diretoria tricolor, mas tem como grande objetivo esquecer o passado e voltar a atuar em alto nível. Se depender de suas primeiras atuações pelo Timão, isso está bem próximo de acontecer.

Adaptação rápida

Jadson treinou apenas uma semana no Corinthians e já entrou em campo, logo no clássico contra o Palmeiras, no qual teve um bom desempenho. Na rodada seguinte, contra o Oeste, o meia foi destaque em campo, dando uma assistência e marcando um golaço, que selou a virada na partida e fez com que o Corinthians voltasse a se reencontrar com as vitórias, após seis rodadas.

Para o meia, a adaptação rápida foi mérito do técnico Mano Menezes. Jadson ressaltou que Mano tem conhecimento de seu estilo de jogo, além de ter lhe passado muita confiança. Assim, de acordo com Jadson, é possível atuar com mais tranquilidade. Na noite deste sábado, quando o Corinthians enfrenta o Rio Claro, Jadson deve novamente ser relacionado entre os titulares.

Desvalorizado

Embora esteja se reencontrando no futebol, Jadson ainda demonstra guardar mágoas do São Paulo, principalmente da diretoria do clube e do técnico Muricy Ramalho. Pouco aproveitado no tricolor paulista, Jadson entrou em campo em apenas uma oportunidade em 2014 pelo clube.

Em relação à diretoria, Jadson afirmou que, para alguns cartolas da equipe, há jogadores que simplesmente não servem para o clube. O meia acredita que saiu desvalorizado do São Paulo, principalmente devido Às circunstâncias de sua transferência para o Corinthians: o tricolor paulista aceitou receber Alexandre Pato em troca de Jadson, embora o atacante também viva uma fase ruim e não possa disputar o Campeonato Paulista, por já ter feito mais de três partidas pelo Corinthians na competição.

Acima do peso

As chances de Jadson no São Paulo praticamente terminaram quando ele retornou de férias e foi considerado acima do peso por Muricy Ramalho. O meia confirma que, de fato, estava fora de forma quando voltou das férias, mas ressalta ter treinado durante dois períodos, ao longo de três semanas, o que permitiu que ele recuperasse o peso ideal. Ainda assim, o meia não foi aproveitado no clube.

Antes da negociação que envolveu a troca de Jadson por Alexandre Pato, o técnico Muricy Ramalho mencionou, em mais de uma ocasião, que era necessário estar motivado para atuar pelo São Paulo. Embora não tenha citado nomes, o recado foi dado claramente para Jadson.

Aos 30 anos, Jadson tem passagens vitoriosas por Atlético-PR e Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, onde atuou por seis temporadas. O retorno ao Brasil aconteceu em 2012, quando foi contratado pelo São Paulo. No clube paulista, entretanto, o meia nunca conseguiu de fato se firmar. Após uma boa sequência que lhe rendeu a convocação à Seleção Brasileira, Jadson foi irregular no tricolor, perdendo de vez espaço na equipe titular.