Publicado em: segunda-feira, 03/10/2011

Internet popular começa a ser oferecida em 344 municípios neste sábado

O Ministério das Comunicações anunciou nesta sexta-feira (30) que a internet popular, oficialmente conhecida como Projeto Nacional de Banda Larga (PNBL), vai estar disponível em 344 municípios do país a partir deste sábado (01). O serviço tem custo máximo de R$35 por mês com a velocidade de 1 Mbps. O governo também informou que a perspectiva é que até o final do ano sejam atendidos 544 municípios.

Os acordos com as operadoras de telefonia fixa foram fechados ainda no mês de junho. Depois desse momento, as empresas TIM e Claro decidiram incorporar o PNBL aos seus serviços. O objetivo é que a internet popular consiga estar disponível para todas as cidades até o final de 2014. O limite de download fixado no momento deve subir gradativamente conforme o serviço vai se desenvolvendo. O download interfere na quantidade de arquivos que podem ser baixados e na navegação na internet.

A operadora Telefônica, por exemplo, estabeleceu que o limite de dowload vai começar na faixa de 300 MB. Depois, a intenção é que a quantidade aumente para 600 MB e, por fim, atinja a marca de 1 GB. A capacidade final deve ser implantada em 2013. Ao mesmo tempo, quem optar pela conexão móvel vai ter a variação de 150 MB, 300 MB e 500 MB.

A partir do momento em que o limite de download é atingido, o cliente tem duas opções: pagar um valor adicional e continuar com a mesma velocidade ou esperar até o final do mês com uma velocidade mais baixa.