Publicado em: sábado, 05/05/2012

Internautas fazem campanha por obras de Laerte


Na última quinta-feira (3) foi iniciada uma campanha na internet para que ocorra a devolução do acervo digital do cartunista Laerte Coutinho. Os desenhos produzidos pelo artista desde o ano 2000 estavam armazenados em dois computadores e também em um disco rígido externo. Tudo foi levado da casa dele, no Rio Pequeno, na zona oeste carioca, durante o feriado de 1º de Maio.

Um grupo de amigos chamados de “A Liga do Gibi” escreveu uma postagem que até a manhã d sexta-feira (4) já tinha sido compartilhada mais de 6.000 vezes no Facebook com o seguinte pedido: “Se você adquiriu ou receptou dois micros e um HD externo, por favor, verifique o conteúdo antes de formatar”, com o objetivo de impedir que os arquivos que contém 12 anos de trabalho do cartunista sejam apagados.

Segundo um dos integrantes da Liga, o grande número de compartilhamentos indica que, muitas pessoas estão solidárias. à perda de Laerte. Ele diz que apesar de ser difícil, é uma tentativa de conseguir descobrir o ladrão e assim, recuperar o acervo de Laerte.

O cartunista ficou comovido e chegou a afirmar que não é merecedor de toda essa demonstração de afeto. Já sobre o prejuízo ele afirma que boa parte do acervo não terá como ser recuperado. Um inquérito foi aberto pela polícia, mas ainda não há suspeitos.