Publicado em: quarta-feira, 04/09/2013

Internacional x Corinthians: Colorado e Timão tentam encerrar série de empates no Brasileirão 2013

Brasileirão 2013No Brasileirão 2013, os gaúchos vêm de igualdades nos últimos seis jogos. Já os paulistas são os recordistas de empates no Campeonato Brasileiro 2013, nove vezes no total. Internacional e Corinthians se enfrentam nesta quarta-feira (4), às 21h50, no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo (RS), mas nem pensam em empatar. Com 24 pontos ganhos, o Colorado quer voltar a vencer após sete jogos. O Timão, por sua vez, quer uma vitória fora de casa, que não vem há três partidas como visitante.

Para essa partida, o técnico Dunga não poderá contar com o zagueiro Alan, que foi expulso de campo durante o empate sem gols com o Coritiba, no último domingo (1º) e está suspenso. Com isso, Índio e Ronaldo Alves brigam por uma posição, para formar dupla de zaga com Juan. No meio de campo, Jorge Henrique também cumpre suspensão automática, mas por ter recebido o terceiro cartão amarelo. Por isso, há a possibilidade de Fabrício ser improvisado na posição. Caso isso aconteça, Kleber assume a lateral esquerda.

O uruguaio Diego Forlán também é desfalque já que está prestando serviços à Seleção de seu País. Dessa forma, o argenino Ignácio Scocco formará dupla de ataque com Leandro Damião. Ao lado de D’Alessandro na armação, Alex também tem chances de iniciar o confronto como titular.

Tite não poderá contar com os ‘selecionáveis’ Guerrero e Pato

Com alguns desfalques, o técnico Tite terá de mudar o ataque do Corinthians. Convocado para a Seleção Brasileira, Alexandre Pato não está à disposição do treinador. Além dele, Paolo Guerrero está a favor da Seleção Peruana, e não joga. Dessa forma, Emerson Sheik e Danilo, este voltando de suspensão, voltam à equipe titular. Na defesa, Paulo André retorna ao time após cumprir suspensão automática diante do Flamengo, e forma dupla de zaga com Gil.

O árbitro do jogo será Paulo Henrique Godói Bezerra, de Santa Catarina, que terá o auxílio Carlos Berkenbrock, do mesmo Estado, e de Adson Márcio Lopes Leal, da Bahia.