Publicado em: segunda-feira, 13/02/2012

Incêndio destrói teatro tradicional de Londrina

O prédio do histórico Cine Teatro Universitário Ouro Verde, em Londrina, Paraná, foi destruído por um incêndio durante a tarde deste domingo (12). De acordo com o Corpo de Bombeiros, as primeiras viaturas chegaram poucos minutos após o fogo ter sido detectado, porém as chamas já estavam altas.

No momento em que o incêndio começou, apenas um vigilante estava presente no local. Mesmo com o desabamento do teto e de parte de uma parede, não havia informações sobre feridos. Por medidas de segurança, dois prédios que ficam nos fundos do teatro foram isolados. Além disso, em função do risco de desabamento, a energia elétrica foi cortada em parte da região central de Londrina.

O Corpo de Bombeiros enviou cinco carros e 20 homens para combater a chama. Como o fogo alastrou-se de forma muito rápida, foi possível salvar apenas alguns objetos. Já a parte interna do edifício, onde ficavam o palco e as poltronas, foi totalmente destruída. Engenheiros do Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e da UEL ainda vão avaliar as condições da fachada para decidir se ela permanecerá em pé ou se deve ser demolida. Peritos estão trabalhando para detectar a causa incêndio.

Cine Teatro Universitário Ouro Verde era o maior do norte do Paraná

Inaugurado em 24 de dezembro de 1952, o teatro é um dos cartões postais da cidade de Londrina. Em 1998, a edificação foi tombada pelo Patrimônio Histórico e Cultural do Paraná e desde 1978, está sob a administração da Universidade Estadual de Londrina (UEL). O Cine Teatro Universitário Ouro Verde é o maior do norte do Paraná, com capacidade para 950 pessoas.

O teatro estava fechado desde o fim de dezembro, em função de uma reforma no palco. Ao longo do ano passado, foram investidos cerca de R$ 2 milhões nos sistemas hidráulico, elétrico e em equipamentos. O local seria reaberto em 10 de março, dando início às comemorações dos 60 anos de existência.