Publicado em: quinta-feira, 04/09/2014

Impostômetro registra R$ 1,1 trilhão de impostos pagos pelo brasileiro neste ano

Impostômetro registra R$ 1,1 trilhão de impostos pagos pelo brasileiro neste anoNessa quinta-feira (4), o valor pago pelos brasileiros em impostos federais, estaduais e municipais desde o início deste ano, chegou a marca dos R$ 1,1 trilhão, em torno das 3h30, de acordo com o “Impostômetro” da Associação Comercial de São Paulo (ACSP). Neste ano de 2014, o valor é registrado 20 dias antes do que em 2013, demonstrando o aumento da carga tributária. O painel eletrônico que tem a função de calcular os valores arrecadados em tempo real, está instalado na sede da associação, na Rua Boa Vista, localizada no centro de São Paulo.

Por meio de nota, o presidente da ACSP, Rogério Amato, avalia os valores e afirma que não há mais espaço para aumento da carga tributária, alegando que o próximo governo terá que fazer ajuste nas finanças públicas e, junto com isso, procurar o setor privado afim de viabilizar concessões e parcerias, podendo assim, ‘atacar os gargalos’ que oneram o setor produtivo e os cidadãos. Além do termômetro físico, também é possível que acompanhe o total de impostos pagos pelos brasileiros pela internet. Essa plataforma que foi criada em uma parceria com o Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT), permite que uma pessoa acompanhe quanto o país, os estados e os municípios estão recebendo em impostos, assim como também, quantas cestas básicas poderiam ser fornecidas e quantos postos de saúde poderiam estar construídos.

Descompasso

O Impostômetro finalizou o ano de 2013 com um valor jamais atingido antes, de: R$1,7 trilhão. No dia 12 do mês passado, o impostômetro registrou às 11h, a marca inédita dos R$ 1 trilhão. Nessa data, o presidente da ACSP se pronunciou e afirmou que o valor era um descompasso. Porque, a arrecadação cresce com mais velocidade do que a economia brasileira, mostrando a realidade do contribuinte que paga muito e, não possui um retorno justo.