Publicado em: quarta-feira, 01/06/2011

Ibama autoriza construção de Belo Monte

O Ibama (Instituto Brasileiro de Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) emitiu na quarta-feira (01) uma licença que autoriza o início das obras da Usina de Belo Monte, no Pará.

A Usina hidrelétrica no Rio Xingu é uma das maiores obras do PAC (Plano de Aceleração do Crescimento), mas que gerou muita controvérsia, tendo muita resistência por parte de ambientalistas ligados à população indígena que vive no local, que entendem que o impacto ambiental gerado pela obra será muito grande.

O Ministério Público Federal se posicionou contrário à construção da usina, alegando que a empresa responsável pelas obras não teria cumprido as 40 condições impostas para que a usina pudesse ser levantada. O Ministério Público, inclusive, chegou a aconselhar o Ibama a não emitir a licença.

A Usina Belo Monte, caso venha a ser construída, será a terceira maior hidrelétrica do mundo, sendo superada apenas pela Itaipu Binacional, no Brasil e Paraguai, e pela Usina de Três Gargantas, construída na China.