Publicado em: quarta-feira, 25/01/2012

Humor de Kim Dotcom preocupava vizinhos na Nova Zelândia

As notícias sobre o fundador do site Megaupload.com, Kim Schmitz, mais conhecido pelo sobrenome Dotcom, não param de surgir em meio à polêmica com o fechamento do endereço online. A partir do momento em que Dotcom foi preso na Nova Zelândia, diversas informações sobre o estilo de vida que levava, graças ao faturamento obtido com o Megaupload.com, começaram a surgir. Além dos luxos materiais, Dotcom também ficou conhecido por manter um senso de humor um tanto excêntrico.

Quando Dotcom havia acabado de se mudar para um bairro em Auckland, cidade onde reside, sua presença despertou a atenção dos seus vizinhos, sendo que um deles tinha conhecimento que ele havia sido condenado na Alemanha por atividades hacker. O vizinho procurou o grupo comunitário criado para diminuir a incidência de violência na região. Em resposta, Dotcom teria afirmado “apareça para um café, e não esqueça a cocaína (brincadeira)”.

Outro caso semelhante aconteceu com uma das vizinhas de Dotcom na mesma região. Em um e-mail enviado por Dotcom à agência de notícias Reuters, o acusado de pirataria começa a mensagem dizendo “primeiro de tudo, deixe-me assegurar a você que ser vizinho de um criminoso como eu tem suas vantagens”.

Na sequência, Dotcom continua “1. Nossa recém-criada lavanderia de dinheiro pode ajudar você com otimização de fraudes no imposto de renda. 2. Nossa rede internacional de infiltrados pode oferecer dicas valiosas sobre o mercado de ações. 3. Minhas relações pessoais com outros criminosos (muito piores) pode ajudar você sempre que você precisar lidar com um vizinho ruim”.