Publicado em: quarta-feira, 28/05/2014

‘Hoje a Petrobrás não compraria a refinaria Pasadena’, diz Graça Foster a CPI

‘Hoje a Petrobrás não compraria a refinaria Pasadena’, diz Graça Foster a CPINessa terça-feira (27), a presidente da Petrobras, Graça Foster, afirmou durante um depoimento à CPI da Petrobrás que hoje a empresa não compraria novamente a refinaria de Pasadena, no Texas (EUA). O acordo que foi realizado em 2006, até hoje tem sido investigado pelo Ministério Público Federal (MOF) e pelo Tribunal de Contas da União (TCU) em razão das suspeitas de irregularidades. Em depoimento para o congresso no mês passado, ela já havia classificado que ‘não foi um bom negócio’ a compra da refinaria. Segundo Foster, logo será possível que o negócio seja bem aproveitado, “mas não seria feito novamente com as projeções e estratégias atuais”, destacou enquanto participava da reunião da CPI, junto com quatro senadores governistas. “Hoje, sabedores da venda de uma refinaria do porte de Pasadena, com a decisão de fazer refino no Brasil, com descoberta do pré-sal e com o mercado interno crescente, a Petrobras não faria aquela aquisição porque definitivamente não seria prioridade”, completa.

Revezamento no plenário

A presidente já concedeu três depoimentos ao Congresso desde o início das denúncias da refinaria de Pasadena, contudo, este último foi mais pacífico que os outros até então. Neste último, ela não foi questionada sobre as respostas e também não existiu réplicas por parte dos cinco senadores governistas que se revezaram no plenário da CPI. De todos os integrantes, somente o relator do processo, José Pimentel (PT-CE), teve acesso ao depoimento de Foster e o assistiu. Enquanto isso, Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), Humberto Costa (PT-PE), o presidente Vital do Rego (PMDB-PB) e o vice Antônio Carlos Rodrigues (PR-SP) tiveram uma participação parcial, ausentando-se por diversas vezes durante as três horas que duraram a audiência. Vazia, a comissão tem sido sabotada pela oposição, que deseja um colegiado mistos com a participação de deputados.