Publicado em: quarta-feira, 24/11/2010

Henrique Meirelles confirma saída do Banco Central

Henrique Meirelles confirmou na quarta-feira (24) que não continuará na presidência do Banco Central no mandato de Dilma Rousseff.

Meirelles afirmou que deixa a presidência da entidade financeira mais importante do país ‘realizado’, e que ‘regras de boa prática de que um presidente de BC não fique mais do que dois mandatos’.

O atual presidente do Banco Central está no posto desde o início do mandato de Luís Inácio Lula da Silva, em 2003. Como última atividade, Meirelles ainda deve comandar a reunião do Comitê de Política Monetária (Copom).

O nome mais cotado para substituir Meirelles na presidência do BC é Alexandre Tombini, atual diretor de normas do BC. Juntamente com Guido Mantega, que deve prosseguir no Ministério da Fazenda, e Miriam Belchior, que deve assumir o Ministério do Planejamento, o trio deve ser responsável pela economia do país durante o mandato de Dilma.