Publicado em: terça-feira, 05/02/2013

Henrique Alves é eleito novo presidente da Câmara mesmo após denúncias

Henrique Alves é eleito novo presidente da Câmara mesmo após denúnciasO deputado Henrique Eduardo Alves (RN) líder do PMDB na Câmara foi eleito durante o início da tarde de segunda-feira (4) novo presidente da Casa, mesmo depois de várias denúncias que foram publicadas na imprensa durante o último mês. Em uma votação secreta, Alves teve 271 votos, já o deputado Júlio Delgado (PSB-MG) que ficou em segundo lugar recebeu 165, Rose de Freitas (PMDB-ES) teve 47 e Chico Alencar (PSOL-RJ) recebeu 11 votos e houve três votos em branco. Para a votação haviam presentes 497 de todos os 513 deputados, para que o presidente fosse eleito em primeiro turno, o candidato tinha que receber ao menos 249 votos.

O deputado está há 42 anos seguidos na Câmara para qual foi escolhido em 11 eleições, e vai comandar o Congresso nos próximos dois anos junto ao colega de partido Renan Calheiros (AL), que foi eleito presidente do Senado na última sexta-feira (1º). Os parlamentares do PMDB ficaram à frente das duas Casas e reforçam a posição do partido na sucessão presidencial de Dilma Rousseff. O vice-presidente Michel Temer é o presidente de honra do partido.

Alves atribuiu ao fogo amigo as denúncias que apareceram contra ele. Durante esta segunda-feira (4), os deputados acharam nos seus gabinetes uma publicação que continha cópias de reportagens com supostas irregularidades que ele cometeu durante o exercício de mandato e de suspeitas de que ele obteve enriquecimento de maneira ilícita. Ele chamou a publicação pequena, mesquinha e de um comportamento que não tem cara, rosto, além de clandestino e subterrâneo. Por fim ele afirmou que estas labaredas do fogo amigo não podem resistir nas chuvas de verão.

O deputado disse que durante o último mês quiseram que fosse construído um novo Henrique com estas reportagens, ele ainda afirmou que as denúncias não consegue chamuscar o alicerce que ele construiu em toda a vida e fez a defesa da liberdade de imprensa.