Publicado em: segunda-feira, 03/10/2011

Haddad conquista apoio da maioria de vereadores na Câmara para prefeitura de São Paulo

O ministro da Educação, Fernando Haddad, conseguiu apoio da maioria dos vereadores na Câmara nesta sexta-feira (30) para sua candidatura às prévias do PT para definir quem será lançado para as eleições de 2012 pela prefeitura de São Paulo. Durante seu discurso, Haddad declarou que não tem medo das prévias e que elas servem para unificar o partido. No total, sete dos 11 vereadores manifestaram apoio ao candidato preferido do ex-presidente, Luiz Inácio Lula da Silva.

Para Haddad, “com prévias ou sem prévias, nós vamos construir a unidade no PT. O PT é um colosso, é uma força da natureza em termos de inserção social. A militância do PT é quem me dá força. E eu posso dizer para vocês que não é projeto pessoal, é para honrar a nossa trajetória, a nossa bandeira, que farei o possível e o impossível para governar São Paulo”.

Os sete vereadores que manifestaram apoio a Haddad são: Alfredinho, Chico Macena, Francisco Chagas, Carlos Neder, Ítalo Cardoso, José Américo, e, por último, Juliana Cardoso, que levou mais tempo para chegar a uma conclusão. Basicamente, uma das vantagens de Haddad é ser um nome novo e ter a capacidade de conquistar apoio de diversos setores de São Paulo.

Na Câmara há apoio a outro pré-cadidato à prefeitura de São Paulo, o deputado federal Jilmar Tatto. Este conta com a aprovação do seu irmão, Arselino Tatto, e com a de mais outros dois vereadores: José Ferreira (Zelão) e Senival Moura. O PT conta também com os nomes de Marta e Eduardo Suplicy e o deputado federal Carlos Zarattini como pré-candidatos.