Publicado em: sexta-feira, 14/02/2014

Hackers se aproveitam do sucesso de Flappy Bird para aplicar golpes

Hackers se aproveitam do sucesso de Flappy Bird para aplicar golpesNo último domingo, após fazer um sucesso estrondoso na Apple Store e na Google Play, o game Flappy Bird foi retirado do ar por Dong Nguyen, programador vietnamita que criou o game em poucas noites de trabalho. Contudo, diversos hackers estão se aproveitando da popularidade do game para lançar versões similares que, na verdade, infectam o sistema operacional e podem acessar os dados dos usuários.

Para complicar ainda mais, os jogos estão sendo oferecidos normalmente nas lojas virtuais. De acordo com a Trend Micro, empresa especializada em segurança digital, estes jogos enviam mensagens para números que cobram tarifas altas por minuto utilizado, fazendo com que a conta de telefone dos usuários fique consideravelmente maior.

Identificação

Com o término de Flappy Bird, também surgiram muitas versões legítimas similares ao game, com o objetivo de obter lucros em cima do sucesso do jogo original. Dong Nguyen, no auge do Flappy Bird, chegou a ganhar cerca de U$50 mil por dia em publicidade.

Ou seja, nem todas as versões similares ao game são, de fato, fraudulentas. Contudo, o usuário deve ter cuidado na hora de instalar estes jogos. A primeira coisa a se fazer é analisar os comentários de outros usuários sobre o jogo. Muitos dos games criados por hackers também têm algumas características em comum, como a solicitação para ler e receber mensagens enquanto o jogo é instalado. Os aplicativos falsos também pedem informações desnecessárias, como e-mail e número de telefone do usuário.

Alvos principais

De acordo com a Trend Micro, no momento os maiores alvos das versões fraudulentas de Flappy Bird são o próprio Vietnã, onde o game foi criado, e a Rússia. Para ter certeza de que você não está baixando uma versão maliciosa do jogo, há alguns títulos que já foram considerados “limpos” pela Trend Micro, como Flappy Angry Bird, Flappy Fish, Clumsy Bird e Flappy Octopus, além de Ironpants, que já estava fazendo sucesso antes mesmo da retirada de Flappy Bird das lojas de aplicativos.

Retirada

O jovem programados Dong Nguyen, de apenas 29 anos, surpreendeu o mundo ao anunciar, em sua conta no Twitter, que iria retirar o game Flappy Bird do ar. Inicialmente, Dong disse apenas que “não aguentava mais”. Dias depois, o programador afirmou que estava incomodado com o assédio da imprensa, que o procurava de maneira insistente para falar do jogo.

Dong afirmou, também, que o jogo foi criado de maneira despretensiosa, com o objetivo de fazer com que os usuários se divertissem por poucos minutos, para relaxar. Contudo, para Dong, o game acabou se tornando um vício para os usuários, um verdadeiro problema. Para resolver a situação, o programador achou que a melhor alternativa seria retirar de vez o jogo do ar.

Versão brasileira

Agora, é possível até encontrar uma versão brasileira do game. Desenvolvido por um programador de Brasília, o jogo “Flappy Generator” permite que os usuários criem sua própria versão do game, utilizando qualquer imagem no lugar do pássaro original.