Publicado em: quinta-feira, 12/01/2012

Gutemberg diz que irá contribuir com a Fifa

O árbitro Gutemberg de Paula Fonseca afirmou que está à disposição da Fifa, caso a entidade investigue as denúncias de corrupção feitas por ele. De acordo com o juiz, ele já comunicou seu advogados para que enviem uma notificação à Fifa, onde expressa sua vontade de colaborar com as investigações.

A Fifa informou que estuda enviar um agente para o Brasil para apurar as denúncias, fato que o próprio Gutemberg ter afirmado que o deixou ‘surpreso’. Ainda assim, o juiz disse que está disposto a ajudar no que for preciso em uma futura investigação.

Gutemberg fez acusações contra o chefe da comissão de arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Sérgio Corrêa. O juiz do Rio de Janeiro acusou o dirigente de ser corrupto e garantiu ter provas para todas as suas declarações.

Entre as denúncias feitas por Gutemberg estaria o fato de Corrêa pressionar os árbitros escalados para grandes jogos, fazendo ‘recomendações’ a eles. O árbitro citou como exemplo o fato de Corrêa ter ligado antes de um jogo entre Corinthians e Goiás, em 2010.