Publicado em: quinta-feira, 29/08/2013

Grupo sírio assume ataque à página do The New York Times

Grupo sírio assume ataque à página do The New York TimesOntem, terça-feira, 27 de agosto, o site do The New York Times, um dos jornais mais importantes de todo o mundo saiu fora do ar. Em menos de duas semanas, é a segunda vez que isso acontece. De acordo com as informações de pessoas ligadas ao jornal, o ataque foi malicioso e os profissionais do site estão trabalhando para consertar isso, além de evitar novos ataques.

Um grupo chamado Exército Eletrônico Sírio (SEA, sigla em inglês) assumiram ser os hackers responsáveis pelo ataque a página do jornal. A declaração foi feita por meio do Twitter. Um pouco antes de sair do ar totalmente, a página do jornal emitia uma mensagem dizendo que tinha sido hackeado pelo SEA.

De acordo com publicações especialistas em tecnologia, os hackers, ao contrário do que se pode imaginar, não invadiram o site do jornal. O que eles fizeram foi ‘sequestrar’ o domínio do site. Assim, quando algum usuário digitava o endereço do site do jornal, era levado a um servidor que estava sendo comandado pelos hackers.

O ataque não se limitou ao site do jornal na internet. Os hackers também sequestraram o domínio do Twitter e publicou um post na rede de microblogs, mostrando que tinham conseguido mustrar o contato de domínio do Twitter para sea@sea.sy.

De acordo com um especialista, o controle dos domínios foi feito usando o MelbouneIT, um registro de nome de domínio. Segundo ele, depois que o domínio foi conseguido, os hackers puderam direcionar tráfico, e-mails e DNS para um servidor escolhido por eles.

Outros sites de mídias atacados

Não é a primeira vez que um site de um meio de comunicação recebe ataque hackers. Nos últimos meses isso vem acontecendo com frequência. Ainda em agosto, o mesmo grupo atacou os sites do jornal Washington Post, da revista Time e da rede de TV CNN ao mesmo tempo.

Em seu perfil no Facebook, o jornal deu declarações sobre o que estava acontecendo, dizendo que muitos internautas estavam com problemas para acessar o site do jornal e que isso estava acontecendo por conta de um ataque hacker. Há duas semanas, o site do The New York Times já tinha ficado fora do ar por algumas horas. Nesse período, o jornal decidiu colocar no Facebook mesmo as suas matérias completas, até que o problema fosse corrigido.